27 de jan de 2010

Arquivo 5


Resgatei hoje este desenho de 2001. Nosso permanente, e às vezes despercebido, desejo de trascendência... Este sujeitinho parece ter atingido algum tipo de iluminação ou leveza espiritual e se desprendeu do chão. Tão diferente de mim, que realizo pequenos saltos desesperados, sabe Deus a que duras penas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário